Palestra da Academia Mineira de Letras aborda As Sagas de Agripa Vasconcelos

Palestra da Academia Mineira de Letras aborda As Sagas de Agripa Vasconcelos

Crédito fotos: Divulgação.

Professor Doutor Maurício Cesar Menon fala sobre o assunto em vídeo disponível a partir do dia 09/09 no youtube da AML

Responsável por criar personagens fortes e emblemáticos como Dona Beja e Chica da Silva, Agripa Vasconcelos é um dos grandes nomes da literatura brasileira e tema da próxima palestra da Academia Mineira de Letras. O professor doutor Maurício Menon apresenta “As Sagas de Agripa Vasconcelos”. O conteúdo ficará disponível no YouTube da AML a partir do dia 9 de setembro, às 11h.

O evento acontece no âmbito do Plano Anual de Manutenção AML (PRONAC 203709), realizado mediante a Lei Federal de Incentivo à Cultura, com patrocínio do Instituto Unimed-BH por meio do incentivo fiscal de mais de cinco mil e duzentos médicos cooperados e colaboradores – e da CEMIG. Copatrocínio da Tambasa.

A palestra traz como conteúdo uma abordagem sobre a coletânea de sete romances históricos denominada “As Sagas no País das Gerais”, do autor mineiro Agripa Vasconcelos.

Cada obra será abordada em sua individualidade, no entanto, sem perder a noção de conjunto que busca compor um amplo painel do estado de Minas Gerais, compreendendo um longo período que vai do século XVIII até a primeira metade do século XX.

O Professor Maurício Cesar Menon destaca que quatro dos romances são desenvolvidos em torno de figuras simbólicas e emblemáticas da história de Minas Gerais e ele abordará sobre elas ao longo da palestra.

Sobre o palestrante:

Maurício Cesar Menon é doutor em Letras (Estudos Literários), pela UEL, Londrina PR e professor da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) campus Campo Mourão, Londrina e Pato Branco, onde atua, respectivamente, na graduação e na pós-graduação stricto sensu. Líder do grupo de pesquisa em Estudos da Narrativa, desenvolve pesquisas ligadas ao gótico, às distopias e também ao romance histórico. Possui trabalhos publicados em periódicos nacionais e internacionais, em anais de congressos da área de Letras, como também capítulos de livros. Entre as suas produções encontra-se a obra Agripa Vasconcelos, do poeta ao romancista das Gerais, escrita em conjunto com os professores Mara Sylvia de Vasconcellos Mancini e Sandro Adriano da Silva.

SERVIÇO:

Palestras online “As Sagas de Agripa Vasconcelos” – com Maurício Menon

 Data: a partir de 9 de setembro, às 11h

Acesso: Youtube.com/c/AcademiaMineiraDeLetras

Instituto Unimed-BH

Associação sem fins lucrativos, o Instituto Unimed-BH, desde 2003, desenvolve projetos socioculturais e ambientais visando a formação da cidadania, estimular o bem-estar e a qualidade de vida das pessoas, ampliar o acesso à cultura, valorizar espaços públicos e o meio ambiente. Ao longo de sua história, o Instituto destinou cerca de R$140 milhões por meio das Leis municipal e federal de Incentivo à Cultura, viabilizado pelo patrocínio de mais de 5,2 mil médicos cooperados e colaboradores. No último ano, mais de 7 mil postos de trabalho foram gerados e 3,9 milhões pessoas foram alcançadas por meio de projetos em cinco linhas de atuação: Comunidade, Voluntariado, Meio Ambiente, Adoção de Espaços Públicos e Cultura, que estão alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030. Neste ano, todas as iniciativas do Instituto celebram os 50 anos da Unimed-BH. Clique aqui e conheça mais sobre os resultados do Instituto Unimed-BH.

Cemig

De onde vem a nossa força?

 A Cemig, maior patrocinadora cultural de Minas Gerais, acredita na importância e na valorização da arte e da cultura para o desenvolvimento humano, econômico e social de uma população como possibilidade do alcance de um futuro melhor para as novas gerações.

 A preocupação da empresa em promover a socialização e a democratização do acesso aos bens culturais do estado se baseia principalmente no compromisso da Cemig com a transformação social e inclusão, uma oportunidade de dialogar e trazer melhorias para a comunidade.

 Nossa força também vem da cultura. Saiba mais em www.cemig.com.br

Felipe de Jesus

Felipe de Jesus | Jornalista (FESBH), Publicitário (IPSP), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes), Economista (UNIP) & Advogado (FACSAL). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (UEMC). [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *